...este é um espaço que revela alguns "pecados" do povo tuga. Os nossos políticos são do pior... e o povo manso releva...

subscrever feeds
tags

todas as tags

Pesquisa personalizada

31
Jan
09

Verdadeiramente escandaloso, por cá, em terras lusas, também existe, embora mais camuflada, e em menor escala, também devido, o escândalo, à dimensão do território, que na Madeira é muito mais significativo, pois a concentração de poderes mafiosos são em elevado grau “Per capita“.

Recebi, os seguintes dados via e-mail, de pessoa devidamente identificada.

Pode-se de certeza concluir que a ilha da Madeira encontra-se completamente minada..vejamos(vale a pena ler até ao fim).

Alberto João Jardim - Presidente do Governo Regional
Filha - Andreia Jardim - Chefe de gabinete do vice-presidente do Governo Regional

João Cunha e Silva - vice-presidente do governo Regional
Mulher - Filipa Cunha e Silva - é assessora na Secretaria Regional do Plano e Finanças

Maurício Pereira (filho de Carlos Pereira, presidente do Marítimo) assessor da assessora
Nuno Teixeira (filho de Gilberto Teixeira, ex. conselheiro da Secretaria Regional) é assessor do assessor da assessora

Brazão de Castro - Secretário regional dos Recursos Humanos
Filha 1 - Patrícia - Serviços de Segurança Social
Filha 2 - Raquel - Serviços de Turismo

Conceição Estudante - Secretária regional do Turismo e Transportes
Marido - Carlos Estudante - Presidente do Instituto de Gestão de Fundos Comunitários
Filha - Sara Relvas - Directora Regional da Formação Profissional

Francisco Fernandes - Secretário regional da Educação
Irmão - Sidónio Fernandes - Presidente do Conselho de administração do Instituto do Emprego
Mulher - Directora do pavilhão de Basket do qual o marido é dirigente

Jaime Ramos - Líder parlamentar do PSD/Madeira
Filho - Jaime Filipe Ramos - vice-presidente do pai

Vergílio Pereira - Ex. Presidente da C.M.Funchal
Filho - Bruno Pereira - vice-presidente da C.M.Funchal, depois de ter sido director-geral do Governo Regional.
Nora - Cláudia Pereira - Trabalha na ANAM empresa que gere os aeroportos da Madeira

Carlos Catanho José - Presidente do Instituto do Desporto da Região Autónoma da Madeira
Irmão - Leonardo Catanho - Director Regional de Informática (não sabia que havia este cargo)

Rui Adriano - Presidente do Conselho de administração da Sociedade de Desenvolvimento do Norte e antigo membro do Governo Regional
Filho - ???? - Director do Parque Temático da Madeira

João Dantas - Presidente da Assembleia Municipal do Funchal, administrador da Electricidade da Madeira e ex. presidente da C.M.Funchal
Filha - Patrícia - presidente do Centro de Empresas e Inovação da Madeira.
Genro (marido da Patrícia) - Raul Caíres - presidente da Madeira Tecnopólio (sabem o que isto é?)
Irmão - Luís Dantas - chefe de Gabinete de Alberto João Jardim
Filha de Luís Dantas - Cristina Dantas - Directora dos serviços Jurídicos da Electricidade da Madeira (em que o tio João Dantas é administrador)
João Freitas, marido de Cristina Dantas director da Loja do Cidadão

E a lista continua…….

Uma autêntica República das Bananas - (sem ofensa para as bananas!)

E depois ainda falam do Rubert Mugabe!

Só se for pela cor?!

Então e o senhor Silva (aquele que agora é Presidente da República) não diz nem faz nada?

Onde é que anda o rigor e sentido de Estado de que tanto fala ?!?!?!?!?!

Ah, já sei porque não interessa o que se passa na Madeira.

É que são todos militantes do PSD! E os cubanos (nós, os camelos) a pagar toda aquela corrupção e gestão danosa!

MAS A MIM NINGUÉM ME CALA

É preciso por o nome nos bois… Pois é tudo gente boa, a governarem-se à nossa custa, estes C*******

publicado por TC às 18:48
30
Jan
09

Quiosque Sol: «Freeport: E-mails revelam conluio e «luvas». Correspondência mostra como tudo estava a ser combinado no Ministério do ambiente para viabilizar o outlet de Alcochete e envolve José Sócrates

Quiosque Correio da Manhã: «Mãe de Sócrates compra a pronto casa a offshore»
Maria Adelaide adquiriu habitação no prédio do filho num ano em que declarou menos de 250 euros de rendimentos. Primeiro-ministro pagou sem recurso a crédito parte da casa à ex-mulher

Quiosque Expresso: «Mais dúvidas para Sócrates explicar». Duas testemunhas contactadas pelo Expresso mantêm que Manuel Pedro disse, várias vezes, que tinha dado dinheiro a Sócrates

Quiosque Diário de Notícias: «Portugal não se preocupou com silêncio dos ingleses». Não foi feita nenhuma diligência para tentar obter as informações pedidas a Inglaterra sobre a Smith & Pedro». Tio de Sócrates volta a falar

Público Online: «Testemunhas ouviram Manuel Pedro dizer que pagou 500 mil euros a Sócrates»

O regabofe continuará...

publicado por TC às 23:59
Delegados de 44 países discutem sobre educação em Pedagogia 2009

" [...] Perante um auditório integrado por uns 3000 delegados de 44 países, entre eles, os ministros da Educação de Timor-Leste, Filipinas, Nicarágua e República Árabe Saaraui Democrática, e o ministro de Educação, Juventude e Esporte de Belize, a ministra ressaltou que o tesouro mais valioso do sistema educacional é seus educadores. [...]" (Digital Granma, 29 JAN 2009)

COMENTÁRIO: há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há há...
(já não me ria assim duma mentira descarada desde o curso do Pinóquio)
publicado por TC às 20:11
Dedicada ao maior aldrabão da história de Portugal

publicado por TC às 19:47
29
Jan
09
Onde se lê:
Condutor com álcool mata mulher na passadeira - JN
Devia ler-se:
Condutor BÊBADO assassina mulher, foge e é solto pelo juiz

É por estas e por outras que depois não há justiça neste país miserável. Com falinhas mansas e aceitação generalizada do caos, tudo é possível.
  • Este CRIMINOSO bebeu até chegar aos 2,82 gramas de álcool.
  • Atropelou duas velhinhas que atravessavam a rua NUMA PASSADEIRA.
  • FUGIU.
  • Não ficou PRESO!!!
O jornalista ainda faz piadas:
"O homem, morador em Santiago de Bougado, não ia sozinho. Com ele levava 2,82 gramas de álcool por litro de sangue..."

Tenham vergonha.
TODOS

Só mais um caso de "Justiça" de hoje:
A procuradora-geral adjunta Cândida de Almeida defendeu hoje a criação de núcleos especiais nas prisões para acolher condenados do crime de violência doméstica.
PORQUÊ?
  • Os criminosos devem ir todos para a CADEIA.
  • Sejam eles os maridos que batem nas mulheres (este ano já foram assassinadas mais de 40 ESPOSAS).
  • Sejam os Pedófilos (Casa Pia!!??) que estão soltos e deviam estar junto aos presos comuns.
  • Sejam os Políticos que são TODOS HONESTOS.
TODOS na CADEIA

publicado por TC às 02:56

Prémio DardosFomos honrosamente distinguidos com o prémio Dardos pelo blogue Arre Macho . Desde já o nosso muito obrigado. É com muito orgulho que recebemos mais este reconhecimento pelo nosso trabalho.

"Com o Prémio Dardos se reconhece o valor que cada blogueiro emprega ao transmitir valores culturais, éticos, literários, pessoais, etc. que, em suma, demonstram a sua criatividade através do pensamento vivo que está e permanece intacto entre as suas letras, entre as suas palavras. Esses selos foram criados com a intenção de promover a confraternização entre os blogueiros, uma forma de demonstrar carinho e reconhecimento por um trabalho que agregue valor à web."

Quem recebe o Prémio Dardos e o aceita deve escolher 15 outros blogs a quem entregar o Prémio Dardos, Linkar o blog pelo qual recebeu e exibir a distinta imagem.

Aqui ficam (sem ordem especial e fugindo aos habituais), os meus nomeados (10 chegam):

  1. Beezzblog
  2. Imhotep
  3. gERAÇÃO rASCA
  4. Delito de Opinião
  5. Hot5
  6. ProtestoGráfico
  7. Links Interessantes
  8. Reflexões de um cão com pulgas
  9. Conticasos
  10. Pérolas a Porkos

publicado por TC às 01:55
O Dr. Fernando Nobre, director da AMI,
é suficientemente conhecido para dispensar apresentações ou introduções. Transcreve-se uma declaração sua, acrescentando apenas uma conclusão referente ao futuro do caso que ele cita. Este texto já teve várias publicações, entre eles o http://ferrao.org/, mas parece não ter sido notado.


Grito e choro por Gaza e por Israel

Há momentos em que a nossa consciência nos impede, perante acontecimentos trágicos, de ficarmos silenciosos porque ao não reagirmos estamos a ser cúmplices dos mesmos por concordância, omissão ou cobardia.

O que está a acontecer entre Gaza e Israel é um desses momentos. É intolerável, é inaceitável e é execrável a chacina que o governo de Israel e as suas poderosíssimas forças armadas estão a executar em Gaza a pretexto do lançamento de roquetes por parte dos resistentes ("terroristas") do movimento Hamas.

Importa neste preciso momento refrescar algumas mentes ignorantes ou, muito pior, cínicas e destorcidas:

- Os jovens palestinianos, que são semitas ao mesmo título que os judeus esfaraditas (e não os askenazes que descendem dos kazares, povo do Cáucaso), que desesperados e humilhados actuam e reagem hoje em Gaza são os netos daqueles que fugiram espavoridos, do que é hoje Israel, quando o então movimento "terrorista" Irgoun, liderado pelo seu chefe Menahem Beguin, futuro primeiro ministro e prémio Nobel da Paz, chacinou à arma branca durante uma noite inteira todos os habitantes da aldeia palestiniana de Deir Hiassin: cerca de trezentas pessoas. Esse acto de verdadeiro terror, praticado fria e conscientemente, não pode ser apagado dos Arquivos Históricos da Humanidade (da mesma maneira que não podem ser apagados dos mesmos Arquivos os actos genocidários perpetrados pelos nazis no Gueto de Varsóvia e nos campos de extermínio), horrorizou o próprio Ben Gourion mas foi o acto hediondo que provocou a fuga em massa de dezenas e dezenas de milhares de palestinianos para Gaza e a Cisjordânia possibilitando, entre outros factores, a constituição do Estado de Israel..

- Alguns, ou muitos, desses massacrados de hoje descendem de judeus e cristãos que se islamizaram há séculos durante a ocupação milenar islâmica da Palestina. Não foram eles os responsáveis pelos massacres históricos e repetitivos dos judeus na Europa, que conheceram o seu apogeu com os nazis: fomos nós os europeus que o fizemos ou permitimos, por concordância, omissão ou cobardia! Mas são eles que há 60 anos pagam os nossos erros e nós, a concordante, omissa e cobarde Europa e os seus fracos dirigentes assobiam para o ar e fingem que não têm nada a ver com essa tragédia, desenvolvendo até à náusea os mesmos discursos de sempre, de culpabilização exclusiva dos palestinianos e do Hamas "terrorista" que foi eleito democraticamente mas de imediato ostracizado por essa Europa sem princípios e anacéfala, porque sem memória, que tinha exigido as eleições democrática para depois as rejeitar por os resultados não lhe convirem. Mas que democracia é essa, defendida e apregoada por nós europeus?

- Foi o governo de Israel que, ao mergulhar no desespero e no ódio milhões de palestinianos (privados de água, luz, alimentos, trabalho, segurança, dignidade e esperança ), os pôs do lado do Hamas, movimento que ele incentivou, para não dizer criou, com o intuito de enfraquecer na altura o movimento FATAH de Yasser Arafat. Como inúmeras vezes na História, o feitiço virou-se contra o feiticeiro, como também aconteceu recentemente no Afeganistão.

- Estamos a assistir a um combate de David (os palestinianos com os seus roquetes, armas ligeiras e fundas com pedras...) contra Golias (os israelitas com os seus mísseis teleguiados, aviões, tanques e se necessário...a arma atómica!).

- Estranha guerra esta em que o "agressor", os palestinianos, têm 100 vezes mais baixas em mortos e feridos do que os "agredidos". Nunca antes visto nos anais militares!

- Hoje Gaza, com metade a um terço da superfície do Algarve e um milhão e meio de habitantes, é uma enorme prisão. Honra seja feita aos "heróis" que bombardeiam com meios ultra-sofisticados uma prisão praticamente desarmada (onde estão os aviões e tanques palestinianos?) e sem fuga possível, à semelhança do que faziam os nazis com os judeus fechados no Gueto de Varsóvia!

- Como pode um povo que tanto sofreu, o judeu do qual temos todos pelo menos uma gota de sangue (eu tenho um antepassado Jeremias!), estar a fazer o mesmo a um outro povo semita seu irmão? O governo israelita, por conveniências políticas diversas (eleições em breve...), é hoje de facto o governo mais anti-semita à superfície da terra!

- Onde andam o Sr. Blair, o fantasma do Quarteto Mudo, o Comissário das Nações Unidas para o Diálogo Inter-religioso e os Prémios Nobel da Paz, nomeadamente Elie Wiesel e Shimon Perez? Gostaria de os ouvir! Ergam as vozes por favor! Porque ou é agora ou nunca!

- Honra aos milhares de israelitas que se manifestam na rua em Israel para que se ponha um fim ao massacre. Não estão só a dignificar o seu povo, mas estão a permitir que se mantenha uma janela aberta para o diálogo, imprescindível de retomar como único caminho capaz de construir o entendimento e levar à Paz!

- Honra aos milhares de jovens israelitas que preferem ir para as prisões do que servir num exército de ocupação e opressão. São eles, como os referidos no ponto anterior, que notabilizam a sabedoria e o humanismo do povo judeu e demonstram mais uma vez a coragem dos judeus zelotas de Massada e os resistentes judeus do Gueto de Varsóvia!

Vergonha para todos aqueles que, entre nós, se calam por cobardia ou por omissão. Acuso-os de não assistência a um povo em perigo! Não tenham medo: os espíritos livres são eternos!

É chegado o tempo dos Seres Humanos de Boa Vontade de Israel e da Palestina fazerem calar os seus falcões, se sentarem à mesa e, com equidade, encontrarem uma solução. Ela existe! Mais tarde ou mais cedo terá que ser implementada ou vamos todos direito ao Caos: já estivemos bem mais longe do período das Trevas e do Apocalipse.

É chegado o tempo de dizer BASTA! Este é o meu grito por Gaza e por Israel (conheço ambos): quero, exijo vê-los viver como irmãos que são.

Fernando José de La Vieter Ribeiro Nobre, 4 de Janeiro de 2009.


Pelo que se pode deduzir, jamais haverá paz na região enquanto a razão e a justiça não forem restabelecidas. As contínuas agressões do estado sionista geram o ódio não só nos adultos, mas sobretudo nas crianças que nele nasceram e cresceram e viram os seus pais assassinados pela sua Resistência ao terrorismo sionista, lutando pela liberdade e pelos Direitos Humanos. Assim, cada vez cresce mais o ódio de geração em geração. O caso é tão claro que pode dizer-se sem receio de errar que quem não o compreender melhor deverá ir tratar-se num psiquiatra. Para detalhes mais alongados sobre este assunto veja-se neste link .

O ensurdecedor silêncio da maioria dos blogs portugueses sobre este assunto não pode deixar de revelar o estado da mentalidade geral nacional.
publicado por TC às 01:34
28
Jan
09
Este post foi copiado (por ser tão bom) do blog do José Maria Martins.

Segundo a notícia do jornal "Correio da Manhã " José Sócrates estará a ser investigado, criminalmente, no Reino Unido por corrupção, no âmbito do processo Freeport.
Veja-se AQUI

Bom, não sei onde está a verdade.
Mas já me parece própria de antes do 25 de Abril um tio pedir ao sobrinho ministro que receba investidores.
Seria normal no Regedor da Freguesia antes do 25 de Abril.
Mais preocupante é que o PM diga que nada tem a ver com licenciamento do Freeport num dia, em Espanha, mas depois o tio e o primo digam o contrário, indo o primo ao ponto de , segundo noticia do jornal "Expresso", ter dito que houve afinal uma reunião entre o representante do investidor britânico e José Sócrates .
O que não poderá ser a reunião no Ministério, porque a CM de Alcochete disse que esse representante não esteve na reunião no Ministério!
De súbito , depois da investigação do jornal "O Sol", José Sócrates já se lembra que esteve numa reunião no Ministério do Ambiente.
Depois o secretário de Estado não tem poderes próprios, mas apenas delegados, podendo a todo o tempo o Ministro, como delegante, decidir as questões delegadas, como se sabe que é princípio fundamental do Direito público político e administrativo, precisamente os ramos do Direito que regem a Administração Pública e logo o Governo, qualquer Governo.

Ainda mais preocupante é que o primo de José Sócrates diga que pediu à Freeport a recompensa pela "cunha" metida ao primo Ministro, a José Sócrates.
As coisas nos Ministérios Portugueses passam-se desta forma?
Os familiares intercedem juntos dos ministros para receber privados a fim de tratarem de assuntos de Estado?

Bom, as coisas começam a clarificar-se, sendo os desmentidos isso mesmo e só isso: desmentidos.
Mas doi saber que na Justiça do Reino Unido pode estar sob suspeita o PM de Portugal por ... corrupção!
Todavia José Sócrates não falou sobre esse facto, na conferência de imprensa que hoje deu. Sócrates passou por essa questão como a raposa da fábula de Lafontaine passou pela vinha vindimada.
O Presidente da República deve dissolver a Assembleia da República e convocar eleições, por uma questão de higiene política portuguesa.
A questão é agora sobretudo política. Não é só jurídica. É de Dignidade do Estado Português.

José Sócrates não diga que o caso voltou à ribalta por motivos de calendário eleitoral. É uma desculpa esfarrapada , tendente a ser "vendida" aos correligionários do PS.
Isto porque as informações apontam no srntido de que a investigação foi relançada pelos ingleses,que não concorrem em Portugal e o Gordon Brown, PM Britânico, até é da mesma família política do PS português.
Os ingleses não vão concorrer com o PS nas eleições em Portugal

E não me venham com histórias de que o PSD e o CDS estão por detrás destas notícias.
Já sou crescido e exijo que respeitem a minha inteligência!!!
Por tudo isto, mais uma vez, quero sensibilizar os portugueses para que tenham coragem e intervenham no Processo Freeeport como assistentes, como já apelei.
Este é um assunto grave demais para ficar sem participação popular.
Contém comigo para a intervenção civica, em defesa da democracia, da liberdade, da moralização da política, para lutar contra todo e qualquer corrupto.
Por Portugal!

COMENTÁRIO: Suspeito??? NÃO!!! A culpa é..............da crise Mundial!!! Ou do Apito Dourado...

Mais disto:
Sócrates: “Alteração da ZPE nada tem a ver com o licenciamento do Freeport”
Caso Freeport: assunto "está na moda" mas "é um caso um como tantos", diz PGR
Freeport: não há suspeitos mas processo é "urgente" por haver políticos associados
Alteração da ZPE esteve na gaveta um ano e serviu para o Freeport
Freeport: ministro da Presidência nega ligação entre alterações na ZPE e Declaração de Impacto Ambiental


publicado por TC às 19:36
Este artigo foi escrito por um conhecido do mundo dos blogs e que mostra a realidade portuguesa de hoje, face às contas públicas portuguesas presentes em dois websites: Base e o Transparência na AP. O primeiro é o portal dos contratos públicos. Logo, supostamente tudo o que é gasto pelo Estado deverá constar neste website. O segundo, é um portal criado pela ANSOL que acaba por ser exactamente igual ao primeiro, só que coloca a informação de forma mais fácil de encontrar os dados e acima de tudo, permite fazer procuras. Hoje acabei por saber quanto é que o Estado Português paga à Microsoft para renovar os contratos das licenças, já sei quanto custa uma viatura de 16 passageiros, e o preço de 3 computadores + bibelots multimédias.

Achei o artigo muito interessante e decidi enviar-vos a transcrição completa do artigo:

Portugal, País de grandes tradições e brandos costumes... pelo menos é o que muitos pensam ser verdade... até abrirem os olhos.
Para quem não é de cá, ou não sabe o que são os "ajustes directos", eu explico. Como gastar o dinheiro público é uma coisa que deve ser feita com muita responsabilidade, a maior parte dos fornecedores das entidades públicas é seleccionada por concurso público, onde vários fornecedores apresentam a sua melhor proposta, sendo depois escolhida a "melhor" em função de vários critérios (preço mais barato, serviços apresentados, etc.)
No entanto, como se imagina, isto é impraticável de ser feito para tudo o que uma câmara municipal, faculdade, universidade, etc. tenha que comprar. E portanto, há coisas que são compradas directamente, a quem eles muito bem entenderem... e aparentemente, ao preço que muito bem lhes apetecer!
E finalmente, graças ao portal da transparência, podemos ver finalmente onde e como esse dinheiro é gasto.
(
Edit: até o Público já fala disto.)

Agora, expliquem-me, porque eu devo estar a ver mal, como é que se justifica:

1) gastar mais de 10.000,00 euros num GPS para um instituto público como o ISEP - quando nos dizem que não há dinheiro para baixar as propinas aos alunos.
2) Aquisição de:1 armário persiana; 2 mesas de computador; 3 cadeiras c/rodízios, braços e costas altas - pela módica quantia de 97.560,00 EUROS(!!!)
3) Em Vale de Cambra, vai-se mais longe... e se pensam que o Ferrari do Cristiano Ronaldo é caro, esperem para ver quanto custa um autocarro de 16 lugares para as crianças: 2.922.000,00 €
É isso mesmo: quase 3 milhões de euros???
4) No Alentejo, as reparações de fotocopiadoras também não ficam baratas:
Reparação de 2 Fotocopiadores WorkCentre Pró 412 e Fotocopiador WorkCentre PE 16 do Centro de Saúde de Portel: 45.144,00 €
5) Ao menos em Alcobaça, a felicidade e alegria as crianças fala mais alto: 8.849,60€ para a Concentra em brinquedos para os filhos dos funcionários da câmara!
Crianças... se não receberam uma Nintendo Wii no Natal, reclamem ao Pai Natal, porque alguém vos atrofiou o esquema!
6) Mas voltemos ao Alentejo, onde - por uns meros 375.600,00 Euros se podem adquirir: "14 módulos de 3 cadeiras em viga e 10 módulos de 2 cadeiras em viga"
Ora... 14x3 + 10x2 = 62 cadeiras... a 375.600,00 euros dá um custo de...6.058,00 Euros por cadeira!
Mas, pensando bem, num país onde quem precisa de ir a um hospital passa mais tempo sentado à espera do que a ser atendido - talvez justifique investir estes montantes no conforto dos utentes...
7) Em Ílhavo, a informática também está cara, 3 computadores e mais uns acessórios custam 380.666,00 €
Sem dúvida, uns supercomputadores para a Câmara Municipal conseguir descobrir onde andam a estourar o orçamento.
8) Falando em informática, se se interrogam sobre o facto da Microsoft ser tão amiga do nosso País, e de como o Bill Gates é/era o homem mais rico do mundo... é fácil quando se olham para as contas: Renovação do licenciamento do software Microsoft: 14.360.063,00 €
Já diz o ditado popular: Dezena de milhão a dezena de milhão, enche a Microsoft o papo!
(Já agora, isto dava para quantas reformas de pessoas que trabalharam uma vida inteira?)
9) Mas, para acabar em pleno, cagar na capital fica caro meus amigos! A Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa gastou 5.806,08 € em 9072 rolos de papel higiénico!
Ora, uma pesquisa rápida pela net revelou-me que no Jumbo facilmente encontro rolos de papel higiénico (de folha dupla, pois claro! - pois não queremos tratar indignamente os rabos dos nossos futuros doutores) por cerca de 0,16 Euros a unidade...
Mas na Faculdade de Letras, aparentemente isso não é suficiente, e o melhor que conseguiram foi um preço de 0,64 Euros a unidade!
É "apenas" quatro vezes mais do que qualquer consumidor consegue comprar - e sem sequer pensarmos no factor de "descontos" para tais quantidades industriais.
Num País minimamente decente, eu deveria poder exigir que me devolvessem o valor pago em excesso, não?
Mandava o link para a Faculdade de Letras de Lisboa, e exigia que me devolvessem os 4.000 e tal euros pagos a mais. (Se comprassem no Jumbo, teriam pago apenas 1.451 euros pelo mesmo número de rolos de papel higiénico.)

Ó MEUS AMIGOS.... como é que é possível justificarem estas situações?
Que, como se pode imaginar, não são as únicas. Se continuasse a pesquisar nunca mais parava - como por exemplo, os mais de 650 mil euros gastos em vinho tinto e branco em Loures. Leitores de Loures, não têm por aí nada onde estes 650 mil euros fossem melhor empregues???
É preciso ser doutor, ou engenheiro, ou ministro, ou criar uma comissão de inquérito, para perceber como o dinheiro dos nossos impostos anda a ser desperdiçado?
Isto até me deixa doente... é mesmo deitar o dinheiro pela retrete abaixo (literalmente, no caso da Faculdade de Letras de Lisboa!)

Querem mais? Divirtam-se no portal da transparência!
Sugestões de pesquisa: viagens, viaturas, Natal...

Outros candidatos a roubalheira do ano
  • "Projecto tempus - viagem aérea Faro / Zagreb e regresso a Faro para 1 pessoa no período de 3 a 6 de Dezembro de 2008" - 33.745,00 euros.
  • "Aluguer de iluminação natalícia para arruamentos na cidade de estremoz" - 1.915.000,00 euros
  • "Aluguer de tenda para inauguração do Museu do Castelo de Sines" - 1.236.500,00 euros
  • "6 kit de mala piaggio Fly para as motorizadas do sector de águas" - 106.596,00 euros
  • (por este valor compravam 6 automóveis, todos equipados, e ainda sobrava dinheiro!)
  • E ainda, o misterioso caso do "Router de 400 euros comprado por 35.000,00 Euros"
COMENTÁRIO: Interessante. Já falámos disto aqui anteriormente. Aconteceu algo? Aconteceu SIM... Apagaram alguns dos escândalos. Podem verificar que em alguns links o conteúdo já não aparece.
Vamos fazer um exercício!!!
Fiz um
Print Screen do conteúdo da Compra de Papel pra limpar o CU da Faculdade de Letras de Lisboa...
Vamos ver quanto tempo vai demorar a apagarem este?

Adiram ao jogo.
Descubram mais escândalos e façam
Print Screens.

Veremos. É aguardar.... não deve demorar...






... ... ... ... ...




publicado por TC às 19:05
27
Jan
09
Vou mudar de profissão. Se um dia destes me encontrarem no semáforo, não se admirem... e já agora deixem mais de 0,10€.

MATEMÁTICA DE MENDIGO

Tenho que dar meus parabéns para esse estagiário que elaborou essa pesquisa tão perfeita, pois o resultado que ele conseguiu obter é a mais pura realidade.

Preste atenção nessa interessante pesquisa de um estagiário de Matemática:

Um sinal de trânsito muda de estado em média a cada 30 segundos (trinta segundos no vermelho e trinta no verde). Então, a cada minuto um mendigo tem 30 segundos para faturar pelo menos € 0,10, o que numa hora dará: 60 x 0,10 = € 6,00.
Se ele trabalhar 8 horas por dia, 25 dias por mês, num mês terá facturado:
25 x 8 x 6 = € 1.200,00. Será que isso é uma conta maluca?
Bom, 6 euros por hora é uma conta bastante razoável para quem está no sinal, uma vez que, quem doa nunca dá somente 10 cêntimos e sim 20, 50 e às vezes até 1,00.
Mas, tudo bem, se ele facturar a metade: € 3,00 por hora terá € 600,00 no final do mês, que é o salário de um estagiário com carga de 35 horas semanais ou 7 horas por dia.
Ainda assim, quando ele consegue uma moeda de € 1,00 (o que não é raro), ele pode descansar tranquilo debaixo de uma árvore por mais 9 mudanças do sinal de trânsito, sem nenhum chefe para 'encher o saco' por causa disto.
Mas considerando que é apenas teoria, vamos ao mundo real.

De posse destes dados fui entrevistar uma mulher que pede esmolas, e que sempre vejo trocar seus rendimentos na Panetiere (padaria em frente ao CEFET). Então lhe perguntei quanto ela facturava por dia. Imagine o que ela respondeu?
É isso mesmo, de 35 a 40 euros em média o que dá (25 dias por mês) x 35 = 875 ou 25 x 40 = 1000, então na média € 937,50 e ela disse que não mendiga 8 horas por dia.

Moral da História:
É melhor ser mendigo do que estagiário (e muito menos PROFESSOR), e pelo visto, ser estagiário e professor, é pior que ser Mendigo...
Esforce-se como mendigo e ganhe mais do que um estagiário ou um professor.
Estude a vida toda e peça esmolas; é mais fácil e melhor que arranjar emprego.

Lembre-se:
Mendigo não paga 1/3 do que ganha pra sustentar um bando de ladrões.
Viva a Matemática.
Para meditar....
publicado por TC às 23:27
Cá está um bom livrinho para ler e reflectir:

Contos Proibidos, Memórias de um PS desconhecido

Uma verdade inconveniente!!!
Este livro saiu de circulação de uma forma repentina. Não há mais cópias. Nunca mais foi visto nas livrarias.
Façam uma cópia antes que seja retirado. Eu já fiz.

... ... ... ... ... ... ... ... ... ...

publicado por TC às 02:02
25
Jan
09
Para andarem bem informados sobre o "caso" Freeport vão AQUI.
Não é na Comunicação Social que se consegue seguir estas peripécias com imparcialidade e lendo opiniões de cidadãos iguais a nós. Bom trabalho Balbino. No Do Portugal Profundo continuas a trabalhar em prol da justiça e por um país mais democrático.
publicado por TC às 22:07
Clica na imagem para aumentar
publicado por TC às 22:04
23
Jan
09
Digam-me para onde vai o país...

Este é o país onde o Primeiro Ministro é suspeito de ter recebido "luvas" no caso Freeport. A Comunicação Social (vendida) não diz que esse suposto engenheiro é suspeito mas todos suspeitamos dele!
Era ou não era o Ministro do Ambiente?
Aprovou ou não a redução da Zona de Protecção do Estuário do Sado?
Foi ou não foi a faltarem 3 dias para serem corridos do governo?
Há ou não há um vídeo a incriminar o tal ex-ministro?
Se não serve como prova porque não foi ordenado por um juiz, então divulgue-se. Esse vídeo não está em segredo de justiça!

Este é o país onde um ex-presidente (suspeito de tudo e mais alguma coisa em Angola, com diamantes, petróleo, influências,... mas que niguém provou nem nunca tiveram coragem de dizer.... mas todos suspeitamos) se diz contra os casamentos homosexuais. Não o disse de uma forma explícita mas disse "não é uma prioridade", "neste momento há coisas mais importantes"... BALELAS!!! O que o cara de bulldog disse foi o mesmo que dizer que não quer esta PANELEIRADA todas de véu e grinalda. Disse o que alguém como ele (velho e senil) pode pensar sobre este assunto. E o povo? O que o povo acha disto? Não será uma matéria importante de fazer sondagens. Vou fazer uma.
Em Portugal o lobbie dos GAYs é muito forte. A maioria dos apresentadores de TV é gay (não sabia? Goucha, Malato, Herman, Baião...), políticos tb os há (háháhá... já vos tou a ver pensar no Paulo Pedroso, Paulo Portas e porque não no Sócrates), actores nem se fala, no JET7 ui ui...
A minha posição sobre este assunto - Sou favorável ao casamento gay desde que isso não implique a LIBERDADE de adopção.

Este é o país onde todas as sondagens apresentadas pelos VENDIDOS dão a vitória ao PS nas próximas eleições.
Como sabem tenho uma sondagem a correr no blog e o primeiro indicador, após 1410 votos, é de que o PS fica pelos 15%. Fica atrás do Bloco de Esquerda (16%) e do PSD (18%). Leva uma abada duma suposta coligação
BE+ Alegre (20%)...
!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!????????????????????????????

Epá!!!!!!!!!!
Então????????
E se houver uma coligação BE + Alegre será que os que votaram BE também votam neles?
É que se assim for.... 16% + 20% = 36% TRINTA E SEIS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Vendo os 165 comentários do artigo do Público Online sobre o "Tio" do Sócrates não consigo perceber onde está a maioria do PS.
Expliquem-me por favor!!!!

Este é o país onde todos os dias são agredidos alunos, professores e funcionários e o que é notícia e o que faz correr a tinta é a avaliação dos professores. A escola pública é uma MERDA!!! Abram os olhos!!! Isto são medidas de evasão...
Só hoje:
- Professora ameaçada com faca
- Aluno esfaqueado à porta da escola
Não interessa debater O QUE REALMENTE INTERESSA. O importante é controlar o déficit e cortar nos ordenados e progressões dos Professores. Fomentar a inveja é fácil.

Este é o país da CASA PIA, dos SUBMARINOS, da JOANA, da operação FURACÃO, da MADDIE, das LISTAS DE ESPERA, da ESMERALDA, do FREEPORT, da OTA, das PONTES, da CORRUPÇÃO AUTÁRQUICA, da inJUSTIÇA, dos ESTÁDIOS vazios do Algarve/Aveiro/Coimbra/Leiria/Bessa, do DESEMPREGO, das ajudas aos BANCOS, da palhaçada das PETROLÍFERAS, das péssimas ESCOLAS, dos miseráveis cuidados HOSPITALARES...

VOTEM PS

ou não.
publicado por TC às 12:57
22
Jan
09
ESCÂNDALO!!!

O Blog da Bola foi silenciado ...


Os Blogs que lutam pela VERDADE e pela SERIEDADE, demonstram a sua solidariedade com o Blog da Bola!!!
Recordamos que o silêncio do Blog da Bola aconteceu após a publicação de um post sobre as ligações angolanas com Joaquim Oliveira, José Sócrates e alguns senhores da bola indígena.
Se calhar esses "senhores" estão mesmo a pedir que não seja apenas um, mas DEZENAS de blogs a porem a "nu" certas ligações "perigosas"...
Esperamos que quem aconselhou o Blog da Bola a silenciar-se, aconselhe desta vez o Blog da Bola a prosseguir com a sua normal actividade...
O 25 de Abril já aconteceu há muito tempo!!!

Como eu não sou "gajo" que sofra de azia quando digo mal de corruptos (é para o lado que durmo melhor), cá vai o texto que motivou o fecho do dito blog:

Angola: uma prostituta cara

Estamos a ser colonizados pelos angolanos.
A terra do dinheiro, dos diamantes, petróleo e de um povo marcado pela fome e que muito provavelmente vai ajudar a acabar com a democracia no nosso país. Semelhanças que também nos tocam.
E perguntam vocês. O que é que isto tem a ver com futebol?
No centro de todos os negócios perspectivados pelos angolanos estão os presidentes dos três maiores clubes portugueses e o “mestre” Joaquim Oliveira. Filipe Soares Franco vendeu o património do Sporting a um grupo de capitais angolanos e passados meses, a sua “OPCA” já estava nas mãos da nova “OPWAY” numa parceria com o grupo Espírito Santo e com grande implantação em Angola. Luís Filipe Vieira encaminhou todas as suas empresas de construção para “ajudar” na revitalização de Angola e até mandou como apenso o seu vice Mário Dias com a missão de construir os estádios de futebol para o CAN. Pinto da Costa, como não tem empresas, lá vai gerindo os seus negócios além-mar, com alguma descrição e ajuda do seu grande amigo Kundi Paihama, ministro da defesa angolano e com lugar reservado no camarote presidencial do Dragão. O presidente portista, até já fez saber, que um dia, quando se chatear, ainda vai curtir uma de caçador de elefantes para o país dos novos horizontes. Joaquim Oliveira, nem se quer lembrar dos dias em que ganhava a vida a assar frangos na capital de Angola. Com a ajuda do BES, em 2004, convenceu os angolanos a investirem na compra da Lusomundo e José Sócrates passou a ter porta aberta de defesa em toda a linha no seu grupo de CS. Enquanto isso, os capitais de José Eduardo dos Santos, presidente angolano, começaram a proliferar nas maiores empresas portuguesas. Quando o Governo fez saber que iria passar licenciamento para o 5º canal, logo surgiu “Oliveirinha”, agora com novo sorriso, a mostrar-se interessado num concurso cuja garantia de vencer era de 99%. Seria mais um canal a apoiar a gestão do nosso primeiro. Mas, pelos vistos, era pouco.

José Eduardo Moniz, director geral da TVI, exactamente o mesmo que abriu as portas da RTP à Olivedesportos, transformando esta empresa numa operadora de televisão sem ter uma única câmara de filmar, foi convidado para ajudar ao lançamento do novo canal de televisão em Angola, “TV Zimbo”, por coincidência este canal tem o mesmo nome da casa de alterne e "strep-tease" que Joaquim Oliveira tinha na cidade do Porto: “Zimbo Bar”.
Mas, entretanto, um grupo de empresários portugueses está “tentar” convencer os angolanos a comparar à Prisa a TVI e Joaquim Oliveira está no negócio. Caso se confirme esta compra, a nossa democracia corre sérios riscos, pois se estivermos atentos a todas estas ligações, José Sócrates vai contar com o apoio de 4 canais de televisão generalistas: RTR 1 e 2, TVI e 5º canal. Isto porque a ZON já está na primeira linha para o licenciamento deste 5º canal e mais uma vez, Joaquim Oliveira não fica de fora. Quem vai ficar de fora é a SIC, mas com algumas condições.

Obrigado amigo anónimo pela dica.

Post postado (lol) em simultâneo no Democracia em Portugal e no The Braganza Mothers
publicado por TC às 12:21
21
Jan
09
Ontem Obama subiu ao Poder do Planeta!!!

Ele é o Homem mais importante de Mundo.

Ele disse:



No seguimento do post anterior, nada melhor do que tentar mudar o que vai mal neste país. E Sócrates vai mal!!!
publicado por TC às 20:15
Vencimentos dos Políticos
Em Portugal, os deputados ganham 3708 euros de salário-base, o que corresponde a 50% do vencimento do presidente da República. Os subsídios de férias e de Natal são pagos em Junho e em Novembro e têm direito a10% do salário para despesas de representação. Como também
lhes são pagos abonos de transporte entre a residência e São Bento uma vez por semana, e por cada deslocação semanal ao círculo de eleição, um deputado do Porto, por exemplo, pode receber mais dois mil euros, além do ordenado.
De acordo com o "Manual do Deputado", os representantes do povo podem estar no regime de dedicação exclusiva e acumularem com o pagamento de direitos de autor, conferências, palestras, cursos breves, etc.
Como o fim da subvenção vitalícia irá abranger somente os deputados eleitos em 2009, os que perfaçam até ao final da legislatura 12 anos de funções (consecutivos ou intervalados) ainda a recebem, mas com menor valor. Quem já tinha 12 anos de funções quando a lei entrou em
vigor - em Outubro de 2005 - terá uma subvenção vitalícia de 48% do ordenado base - pelo actual valor, quase 1850 euros - logo que completar 55 anos.
O Governo acautelou assim a situação de parte dos deputados do PS eleitos em 1995, com a primeira vitória de Guterres, pelo que ao fim de dez anos de actividade (até 2005) poderão auferir a pensão
vitalícia que corresponde a 40% do vencimento-base - dez anos a multiplicar por 4% do vencimento base auferido quando saiu do Parlamento. A subvenção é cumulável com a pensão de aposentação ou a de reforma até ao valor do salário base de um ministro que é em 2008 de 4819,94 euros. Os subvencionados beneficiam ainda "do regime de previdência social mais favorável aplicável à Função Pública", diz o documento.

Sócrates recebe pensão vitalícia

José Sócrates tem direito à pensão vitalícia por ter 11 anos de Parlamento. Eleito pela primeira vez em 1987, esteve oito anos consecutivos em funções. Secretário de Estado do Ambiente e ministro
da pasta nos Governos de Guterres, voltou em Abril de 2002, onde ficou mais três anos.

Quem tem e vai ter a subvenção

Almeida Santos (PS), Manuela Ferreira Leite, Manuel Moreira e Eduarda Azevedo (PSD), Narana Coissoró e Miguel Anacoreta Correia (CDS-PP) e Isabel Castro (PEV) já requereram a subvenção vitalícia. Outros 31 deputados, 20 dos quais do PS, poderão pedi-la, pois até ao fim de 2009 perfazem 12 anos de mandato, embora só se contabilizem os anos até 2005.

Salário cresceu 77 euros num ano

Em 2007, o vencimento-base de um deputado foi 3631,40 euros. Este ano é de 3707,65 euros , segundo a secretaria-geral da AR. Um aumento de 77 euros.

Presidir à AR dá direito a casa

O presidente da Assembleia da República (AR) recebe 80% do ordenado do presidente da República - 5.810 euros. Recebe ainda um abono mensal para despesas de representação no valor de 40% do respectivo vencimento 2950 euros, o que perfaz 8760 euros. Usufrui de residência oficial e de um veículo para uso pessoal conduzido por um motorista.

Dez têm carro com motorista

Ao presidente do Conselho de Administração (José Lello), aos quatro vices-presidentes da AR - na actual legislatura, Manuel Alegre (PS), Guilherme Silva (PSD), António Filipe (PCP) e Nuno Melo (CDS-PP) - e aos líderes parlamentares é disponibilizado um gabine pessoal, secretário e automóvel com motorista.

Benesses para a Mesa da AR

Para os quatro vice-presidentes da AR (PS, PSD, CDS e PCP) e para os membros do Conselho de Administração, o abono é de 25% do vencimento 927 euros. Os seis líderes parlamentares e os secretários da Mesa têm de abono 20% do salário: 742 euros.

Abono superior ao salário mínimo

Os vice-presidentes parlamentares com um mínimo de 20 deputados (PS e PSD), os presidentes das comissões permanentes e os vice-secretários da mesa têm de abono 15% do vencimento - 555 euros. Mais 129 euros do que o salário mínimo nacional. Uso gratuito de correio, telefone e electricidade. Os governos civis, se solicitados, devem disponibilizar instalações para que os deputados atendam os media ou cidadãos. Os deputados podem transitar livremente pela AR, têm direito a cartão de identificação e passaporte especial e ao direito de uso e porte de arma. Podem também usar, a título gratuito, serviços postais, telecomunicações e redes electrónicas.

Ajudas de custo para os de fora

Quem reside fora dos concelhos de Lisboa, Oeiras, Cascais, Loures, Sintra, Vila Franca de Xira, Almada, Seixal, Barreiro e Amadora recebe 1/3 das ajudas de custo fixadas para os membros do Governo (67,24 euros) por cada dia de presença em plenário, comissões ou outras reuniões convocadas pelo presidente da AR e mais dois dias por semana.

Pára-quedistas ficam a ganhar

Os deputados que residem num círculo diferente daquele por que foram eleitos recebem ajudas de custo, até dois dias por semana, em deslocações que efectuem ao círculo, em trabalho político. Mas também os que, em missão da AR, viajem para fora de Lisboa. No país têm direito a 67,24 euros diários ou a 162,36 euros por dia se forem em serviço ao estrangeiro.

Viagens pagas todas as semanas

Quando há plenário, a quantia para despesas de transporte é igual ao número de quilómetros de uma ida e volta semanal entre a residência do parlamentar e S. Bento vezes o número de semanas do mês (quatro ou cinco) multiplicado pelo valor do quilómetro para deslocações em viatura própria. Uma viagem ao Porto são 600 quilómetros cinco vezes num mês, dá três mil. Como o quilómetro é pago a 0,39 euros, o abono desse mês é de 1170 euros.

Viver na capital também dá abono

Os deputados que residam nos concelhos de Cascais, Barreiro, Vila Franca de Xira, Sintra, Loures, Oeiras, Seixal, Amadora, Almada e Lisboa recebem também segundo a fórmula anterior. Os quilómetros (ida e volta) são multiplicados pelas vezes que esteve em plenário e em comissões, tudo multiplicado por 0,39 euros.

Ir às ilhas com bilhetes pagos

A resolução 57/2004 em vigor, de acordo com a secretaria-geral da AR, estipula que os eleitos pelas regiões autónomas recebem o valor de uma viagem aérea semanal (ida e volta) na classe mais elevada entre o aeroporto e Lisboa, mais o valor da distância do aeroporto à residência. Por exemplo, 512 euros (tarifa da TAP para o Funchal com taxas) multiplicados por quatro ou cinco semanas, ou seja, 2048 euros.
Mais o número de quilómetros (30, por exemplo) de casa ao aeroporto a dobrar (por ser ida e volta) multiplicado pelas mesmas quatro (ou cinco) semanas do mês, e a soma é multiplicada por 0,39 euros, o que dá 936 euros. Ao todo 2980 euros.

Deslocações em trabalho à parte

Ao salário-base, ajudas de custo, abono de transporte mensal há ainda a somar os montantes pela deslocação semanal em trabalho político ao círculo eleitoral pelo qual se foi eleito. Os deputados eleitos por Bragança ou Vila Real são os mais abonados.

Almoço a menos de cinco euros

Os deputados e assessores que transitoriamente trabalham para os grupos parlamentares pagam 4,65 euros de almoço, que inclui sopa, prato principal, sobremesa ou fruta. E salada à discrição. Um aumento de 0,10 euros desde 2006. Nos bares, um café custa 25 cêntimos, uma garrafa de 1,5 litro de água mineral 33 cêntimos e uma sandes de queijo 45 cêntimos.

Imunidade face à lei da Justiça

Não responde civil, criminal ou disciplinarmente pelos votos e opiniões que emitir em funções e por causa delas. Não pode ser detido ou preso sem autorização da AR, salvo por crime punível com pena de prisão superior a três anos e em flagrante delito. Indiciado por despacho de pronúncia ou equivalente, a AR decidirá se deve ou não ser suspenso para acompanhar o processo. Não pode, sem autorização da AR, ser jurado, perito ou testemunha nem ser ouvido como declarante nem como arguido, excepto neste caso quando preso em flagrante delito ou suspeito do crime a que corresponde pena superior a três anos.

Justificações para substituição

Doença prolongada, licença por maternidade ou paternidade; seguimento de processo judicial ou outro invocado na Comissão de Ética, e considerado justificado.

Suspensão pode ir até dez meses

Pedida à Comissão de Ética, deve ser inferior a 50 dias por sessão legislativa e a dez meses por legislatura. Um autarca a tempo inteiro ou a meio tempo só pode suspender o mandato por menos de 180 dias.

JORNAL DE NOTÍCIAS | 11.02.2008

Palavras para quê?

publicado por TC às 19:55
O MUNDO VAI MUDAR!!!
Discurso de Obama: Novo Presidente pede uma “nova era de responsabilidade”
Obama sai da limusina e percorre a pé a Avenida Pensilvânia
Nobel da Paz: Mandela considera Obama “uma nova voz de esperança”
Ted Kennedy desmaia durante almoço inaugural
Barack Obama é o 44º Presidente dos Estados Unidos
Casa Branca: Casal Bush deixou Washington meia-hora mais cedo
Alerta: “Potencial ameaça” à tomada de posse ligada a grupo somali
Internet: se vir uma notícia a dizer que Obama não tomou posse, não vá lá clicar
Infografia: a Administração Obama

E por cá? MUDARÁ ALGO? PARA PIOR?
João Caldeira suspeito de narcotráfico - É alguém importante? Não lhe acontece nada!
Madeira: Lei do "jackpot" considerada inconstitucional - Privatize-se a Madeira.
Doente com AVC teve alta e morreu em casa - Paz à sua alma. Cadeia com quem assinou a alta!
Maya nega romance com bailarino cubano - Quero lá saber da abelha...
Portas recusa dispersão de agenda de Sócrates - E por falar em "Paneleiros"...
Desempregados sem subsídio aumentaram no final do ano - Desempregados aumentaram. Subsídio de desemprego não!
Protecção Civil admite que retirou lições da última vaga de frio - Vão então comprar mais 30 limpa neves e trazer alguém competente (estrangeiro) para dar formação?
Taça da Liga: Belenenses já recorreu da exclusão das meias-finais - É o nosso Futebol. Só se safa o Fado.
BPN: sindicato pede a Sócrates para evitar despedimento de 250 trabalhadores - Falem com o Futuro Primeiro ministro 1º.
Avaliação docente: projecto do CDS é "questão crítica" para o Governo - Crítico é para o país e para a sua Educação.
Rui Rio: aposta nas obras públicas é “desastrosa” para o futuro do país - Se for no betão tb acho que não. Se as obras forem Escolas, Hospitais, Creches, Lares, Jardins, Bibliotecas, Parques Infantis,.... então és como um BURRO. Como os do Governo!
publicado por TC às 01:22
20
Jan
09
Imagem do KAOS
Para quem me conhece, sabe que sou bem-humorado, detesto preconceitos e sou tolerante, mas, quando embico com um qualquer quisto, ai do quisto!...
Durante meses, ouvi falar desse Albino, mas pensava que era algum treinador de Futebol, e não percebo peva de Futebol, até que me disseram que esse gajo era... Pai, enfim, pais são como os chapéus, há muitos, mas este era um pai especial, meu deus, o que será ser filho de um gajo com ar de agente auxiliar de uma Agência Funerária)..., e é por isso que as crianças crescem cada vez mais infelizes, complexadas, e esmagadas por superegos que nunca chegarão a entender.
Hoje, durante mais uma das greves bem sucedidas, que haverão de levar a Lurdes a afocinhar no chão, "en passant", pela televisão, antes de ir a mais uns saldos do "El Corte Ingles", comecei a prestar mais atenção ao destaque que se dava a essa figura, algo secundarizada, e que é o "pai", ou a "mãe", conforme queiram. Acontece que, muito para lá de tudo o que se possa pensar, ambas essas figuras são o fulcro do atual problema educativo, não querelas entre docentes e uma ministra deplorável, porque o que sucede nas escolas não é mais do que o posludium do que vem herdado de casa.
Para o Senhor Albino, desde já, um comentário à maneira: acho que tem cara de sacristão das arcaicas crendices de Fátima, e os "sacristães" não procriam, ou se procriaram, violaram o voto de castidade.
Pronto, já mordi, passo adiante, e vou debruçar-me sobre aquilo que, exaltadamente, o fariseu clamava deverem ser os "serviços mínimos das escolas".
Portanto, eu vou-lhe retorquir, já que é tão normativo e interveniente, com o que deveriam ser os serviços mínimos da Família, que ele tão quixotescamente pretende representar:
1) Casa casal devia, antes de trazer algum filho ao Mundo, apresentar uma Carta de Procriação, onde tivesse passado, em teste e exame, e que indicasse estar em condições de procriar, para evitarmos as Esmeraldas, as Maddies e as Joanas deste mundo, pobres desgraçadas, filhas da pior ralé humana que a espécie já conheceu.
2) A Escola é um lugar de formação, não um refeitório, pelo que, antes de enviar o seu filho para a aula, se deve assegurar de que vai convenientemente alimentado. Se não pode, informe a instituição, e cada docente deverá ser avisado de que tem defronte de si um pobre ser humano, a quem a crueldade, ou impotência, familiares, ali despejam, para que a "malta se desenrasque". Sr. Albino: Nenhuma criança alguma vez poderá aprender o que seja, se estiver com fome.
3) Sr. Almeida, vá de porta em porta, e impeça as famílias desestruturadas de despejarem os seus filhos na Prateleira de Costas Largas do Ensino: verifique -- essa é a sua função -- se as crianças não são torturadas, violadas e abusadas em casa. Sabe que são atirados para a Escola putos que sabem que a mãe se prostitui, o pai está preso e o padrasto se droga, e o espanca?... O Sr. não sabe, mas o professor sabe, e também quer ser avaliado, por esse tremendo e surdo trabalho social que desempenha e lhe não incumbia. Caso o desconheça, Sr. Almeida, esse pronto-socorrismo social não vem nos parâmetros de "Excelência" da incompetente humana, que tutela a Educação. Nem isso, nem coisas piores, que não me atrevo a pôr aqui, para não maldispor os leitores.
4) Sr. Almeida, faça um levantamento dos livros e recursos culturais que a criança tem, ou não tem, em casa: evite que o docente tenha de lidar com autênticos "meninos-lobo", que nunca viram um livro, cujo único multimédia foram infinitas glorificações dos analfabetos do Futebol, e cujo horizonte existencial e linguístico é o quotidiano "ha dem" da mãe e o "caralho-foda-se", do pai, quando está a olhar para os calções transpirados de
5) Sr. Albino, pergunte, em cada casa, quais são os hábitos de higiene das suas... "Famílias". Garanta que a criança não é ostracizada pelos colegas, por dizerem que tem... mau-cheiro. Pode acontecer que o primeiro banho que tome seja na escola, e a escola não tem recursos para dar banho a todos os que se sentem humilhados, e tem de erguer uma permanente barreira de defesa deles, que também não faz parte dos "excelentes" e das quotas.
6) Sr. Almeida, sabe que há alunos que foram excluídos de todas as instituições, e caem em estranhas escolas-alvo, onde os professores são forçados a desempenhar o tal papel dos psicotutores, de que a Finlândia tanto se orgulha, mas que não são objeto, cá, de qualquer preparação prévia?... E sabe por que é que as pessoas se têm de tornar em tutores e ser pais alternativos?... Porque as famílias, ou não prestam, ou não servem. Peça-lhes avaliação por esse trabalho, e exija serviços mínimos no... Lar.
7) Sr. Albino, sabe que há alunos que utilizam, com a maior familiaridade e frequência, o pior calão e os tratamentos mais violentos?... E sabe de quem é a culpa: da família, onde o tratamento corrente é de "cabrão" para cima, e de "puta" para baixo. Não sabia?... Deve ser por frequentar famílias de rodoma de vidro. A maior parte dos professores deste país frequenta famílias reais, e filhos provindos de famílias reais, que soltam constantes palavrões, porque esse é o romance corrente dos seus ambientes familiares. Vá lá a casa, e peça aos pais, que adorarão ser filiados no seu clube de exceções, serviços mínimos de educação. Se apanhar com um taco na testa, não se espante.
8) Sr. Almeida, sabe que muitas vezes os meninos se voltam para o Professor e o ridicularizam, dizendo, "você não acha que anda a perder o seu tempo aqui, a ganhar uma miséria, quando o meu pai, numa noite de tráfico, tira o que você saca num mês?..." Vá lá a casa e diga a esses pais que o tráfico de droga não é uma atividade socialmente venerável.
9) Sr. Almeida, quando ouvir um pai reclamar que as greves são um escândalo, porque não têm onde deixar os filhos, vá lá a casa e grite-lhes aos ouvidos que o ambiente familiar tem de ter reservas e sistemas de acolhimento, a chamada Estrutura Familiar, porque as escolas não são depósitos de corpos, são espaços de convívio de gente em idade e emotividade frágil, não prateleiras para famílias que se esqueceram da palavra "amor", "respeito" e "educar". Se não conseguir nada, peça para a SUA Ministra colocar como parâmetro de avaliação o "entreter" meninos. Antigamente, essa função era atribuída a palhaços e o único que eu vejo neste processo é, curiosamente... você.
10) Pobre Albino: sempre que você receber na sua sala um aluno de ténis rotos e jeans fora de moda, e o vir ser gozado pelos colegas, vá ter com a família e pergunte por que o vestiu assim. Se se lhe depararem grupos familares a viver abaixo do limiar da pobreza, deixe-os em paz, e dirija-se diretamente a esse Governo Torpe, de quem você faz tão bem o papel de Comissário, como os havia nas ditaduras de Leste e Oeste, e que tornou Portugal num abismo de Muito Ricos e Muito Pobres. É o professor que tem de perder tempos infindáveis a reequilibrar estes grupos potencialmente explosivos, tempo no qual não ensina, protege o desprotegido e que, curiosamente, também não entra para a Aavaliação. Tempo de gente muito mal paga para evitar que a Sociedade expluda logo ali, no limar dos 5, dos 6, dos 10 dos 11, dos 15 e dos 16 anos.
11) Miserável Almeida -- não te importas que eu te trate por tu, pois não?... -- faz assim: sempre que te chegue aos ouvidos que os alunos vão armados para as escolas, faz o teu papel, e vai, de porta em porta, revistá-los, um a um, com detetores de metais, para evitar que tenha o professor de ser ameaçado nas aulas, os colegas assaltados e um clima de "gang" a instalar-se num espaço que a grande tradição sempre viu como algo próximo de um santuário, mas que a incúria das tais famílias que tu descinheces e da destruturação social dos Governos das Donas Lurdes e afins permitiu que se transformasse num mero antro de facadas.
12) Obsoleto Almeida: vai de porta em porta, e pergunta por aquelas famílias que preferem andar a feijão e arroz, para que os meninos possam ter os seus fins-de-semana de álcool, droga e discoteca garantido, para entrarem, segunda de manhã, em tal estado que passam as aulas a dormir, ou com "feedbacks" de pastilhas e LSD, que chegam a nem perceber estar em calsse. Vai à porta dessas famílias e exige-lhes os serviços mínimos de Família. Se não cumprirem, põe-nas, caso a caso, em Tribunal: é um favor que fazes a 140 000 afrontados.
Não vou ao 13, porque o 13 dá azar: isto é só um prolegómeno de tudo o que tinha para te despejar em cima, Albino Almeida, e sabe que, quando eu ataco, é mesmo de fugir. Pensa que até estou a a ser simpático contigo, e que o teu conselho 13 é hoje substituído -- "surprise!..." -- por uma bonita imagem: sou eu, a ver em ti uma barata rastejante e servil, a quem hoje me deu para pôr o calcanhar em cima, para te acabar com tanto sofrimento. Dizem que as baratas podem transmitir maleitas, e eu não queria que os alunos de Portugal, do mais pobre ao mais rico, adoecessem, só pela causa do teu insistente rastejar.
Albino: vai-te catar!...
Muito Boa Noite.


(Pentagrama mata-baratas, no "Arrebenta-SOL", no "A Sinistra Ministra", no "Democracia em Portugal", no "KLANDESTINO", e em "The Braganza Mothers")

publicado por TC às 01:29
19
Jan
09






Hoje este blog está de greve.
Nem todos somos Professores (eu sou) mas a solidariedade para com quem luta pela melhoria do país a isso impõe.
Ajudem a Escola Pública!!!
Ajudem os Professores a poderem exercer com qualidade.
Lutem pelo futuro dos vossos filhos.
publicado por TC às 00:42
Imagem do Kaos
É para mim, criador, extremamente entediante ter de andar sempre à volta do mesmo. Já não me lembro de quando isto começou, mas, até onde a memória me acompanha, vem do tempo em que se associou o nome de Portas à "Universidade Moderna": o outro declarou que pagava, sem passar recibos verdes, ninguém se demitiu, instalou-se um impasse sociale judicial, que se foi agravando, e, desde aí, não houve descanso.
Há, hoje, na Sociedade Portuguesa, uma sensação generalizada de que as Leis são só para quem não pode fugir-lhes e quem as faz já as faz de modo a poder ficar impune.
Num Estado Civilizado, o poder oculto de um político não o pode levar ao ponto de se fecharem universidades, para evitar que as provas sejam revistas e revistadas. Em Portugal, pelo contrário, já fecharam duas ("Coisas horríveis, tráfico de mulheres e de armas", dizia o Reitor Xexé, da "Moderna", e toda a gente achou... natural), e a "Independente" também, não se fosse descobrir a verdadeira parideira de Diplomas Farinha-Amparo que lá funcionava a pleno vapor...
Já não vou bater nessa tecla, acho que as decisões do destino do País passaram das mãos dos Políticos para as da Intervenção Cívica: cada um só pode contar consigo mesmo e com todos os que arregimentar em seu redor, e o Inimigo está, potencialmente, em toda a parte, ponto final.
No meio disto tudo, numa sociedade saudável, a Pasta da Educação deveria ser a pasta exemplar: toca na tutela de uma faixa etária onde a formação e os bons exemplos -- o Fascínio, com "F" grande -- são fulcrais. Os bons exemplos têm de vir de cima, e, "de cima" começa no topo, se entretanto não se alterou a Geologia do Mundo, por decreto-lei.
De Maria de Lurdes Rodrigues só se conhecem indecências, e eu vou começar mais atrás, mas, peço desculpa, neste momento, já não é uma mera questão do habitual tiro-aos-patos que pratico contra todo o Poder corrupto, mas algo que migrou para o patamar da indecência pessoal, coisa que me custa, como humano, a suportar. Eu explico: muito antes de alguém ter ouvido falar dessa avantesma, já o nome me era familiar, é só fazer as contas de cabeça, mas eu sou bastante mau de contas de cabeça... digamos... 10 anos. Há 10 anos, no acompanhar de uma Tese de Doutoramento de uma das minhas mais antigas amigas, a qual versava, e versa, a Tipologia Metalinguística das Profissões Técnicas, foi normal que ela procurasse o contacto dos maiores especialistas na Área. Como consta do seu currículo, a Bruxa da Educação tem uma obsessão por Engenheiros, de onde foi normal que, no meio de todas as cartas enviadas aos especialistas das "Hautes-Écoles" francesas, também seguisse uma para a mulherzinha, que, em Portugal, tratava do tema. Não vos vou espantar se vos disser que todas as missivas receberam resposta, exceto a endereçada à... Dona Lurdes: era-lhe insuportável que alguém andasse a fazer uma Tese na Sorbonne, e ousasse dirigir-se a tão alta luminária do I.S.C.T.E., casa de gente duvidosa e de pedófilos mal-esclarecidos.
A tese foi feita, "cum laude", e já faz parte da História; a Lurdes, pelo contrário, reapareceu no cenário das misérias da República, e não deixo de confessar que foi com espanto que ouvi o nome de tal... coisa para uma das pastas-chave da Nação.
Educação e Cultura, aliás, têm, em Portugal o peso devido à Cauda da Europa: qualquer incompetente as pode ocupar, que ninguém dará pela diferença. Para mim, pelo contrário, dão imediatamente o tom do Governo, e seguem dois exemplos: quando soube que Carrilho ia para a Cultura de Guterres, disse logo "é coisa que vai romper por aí, em dois tempos..."; Lurdes Rodrigues, na Educação, deu o que deu, e ainda vai dar pior, porque, como já várias vezes chamei a atenção, Lurdes Rodrigues é a mera fachada de uma espécie de "matrioskas", que estão dentro dela. Tem a particularidade de ser uma "matrioska" geometricamente impossível, porque, quando a abrimos, saltam, lá de dentro, não figuras menores, mas maiores, e cito, assim, de cor, duas, que particularmente me repugnam: Mariano Gago e Cavaco Silva. O segundo, como é sabido, tem paixões mal escondidas por mulheres obtusas e com tiques autoritários; o primeiro, infinitamente mais tortuoso, é o Homem da Sombra, aquele a quem Lurdes Rodrigues se dirige, antes de dar qualquer passo, por duas razões simples: a primeira, porque consta que foi ele que a chamou para lá; a segunda, porque, usando o Secundário como balão de ensaio para fazer implodir o Superior, ela é-lhe, estrategicamente, infinitamente útil, já que não poderia dispor de melhor observatório. Esquece-se, todavia, o Gago, de que há uma pequena diferença: o Ensino Superior está infestado de cunhas, compradios, aventalinhos, opus dei, grupos de pressão, trostkistas, ex-maoistas, comunistas, mulheres e maridos de fulano-de-tal, interesseiros, gente do Antigamente, diplomas à pressão, putas de todo o género, enquanto o ingresso na Carreira do Secundário pressupõe um Concurso Nacional, em nada comparável com a famigerada "abertura de vaga", "à mesure", que anuncia o ingresso de mais um amigo do Sistema na Academia da Universidade.
Houve um tempo em que se disse que o Secundário era o caixote de lixo das licenciaturas. O aumento do mioma, hoje em dia, anuncia que o Superior é o Exílio Dourado do Lixo dos Compadrios, com todas as honrosas exceções, e dou-me muitos bem com algumas, felizmente.
Voltando à vaca fria, esta luta de desgaste com Lurdes tem efeitos perversos, e límpidas vantagens: desentocou, sucessivamente, os que por detrás dela, a cultivavam, como Sinistra Fachada, e ocultavam as suas oscilantes cobardias. Todavia, o Governo, como um todo, e dada a amplitude do conflito, agarra-se ansiosamente a ela, o elo mais fraco, na esperança de que seja o lastro que o possa fazer afundar, no último suspiro de Legislativas Antecipadas, com a Oposição, tirando dogmáticos como Portas, Louçã e Jerónimo de Sousa, que, dentro do possível, marcam a diferença de um discurso moribundo de repostagem. De Manuela Ferreira Leite só me vêm lágrimas aos olhos, pela dimensão da pequenez, e por não perceber que está a ser usada para assegurar a vitória do "Engenheiro", mas será imediatamente corrida, em caso de derrota ou de Coligação "Centrão".
A via estratégica é pouca: as tais anunciadas demissões de cento e tal Conselhos Executivos imediatamente acarretariam a queda do Governo, como toda a gente sabe, mas a luta sábia, pode passar por táticas de maior eficácia: pessoalmente, adoraria uma troca de pastas, pondo o Gago, já que ela não dá um passo sem o consultar, no Secundário e um outro qualquer, no Superior. Ia ser fantástico.
Não me apetece alongar: sou pouco de greves, mas suponho que toda a gente deve estar unidíssima, na luta contra o Flagelo, portanto, todas as greves são agora poucas, e devem ser progressivamente menos lesivas, em termos de perda de remuneração, e explosivas, em extensão e efeitos colaterais.
As passeatas já cansam, exceto uma, a que falta fazer, que é colocar centenas de milhar de docentes, pais e discentes defronte do Palácio de Belém, onde está um indivíduo inseguro, geralmente acobarbado, que transpira constantemente das mãos, e que tem um infinito pavor das multidões. Esse é o próximo passo, aparecer, em massa, à porta de Cavaco, sem lhe dar a margem de manobra que teve, quando, nos Anos 90, mandou, pela mão do criminoso Dias Loureiro, disparar contra a multidão. Houve um ferido, que ficou paraplégico, mas também uma enorme sensação de que o Povo Unido -- e este é o povo mais habilitado de Portugal -- o Povo, Unido, pode mesmo fazer cair as aparentemente invulneráveis muralhas do Autoritarismo.
Assim foi com Cavaco, e assim faremos com Sócrates.
Boa Noite e uma boa jornada de luta.

(Pentágono de solidariedade, no "Arrebenta-SOL", no "A Sinistra Ministra", no "Democracia em Portugal", no "KLANDESTINO", e em "The Braganza Mothers")
publicado por TC às 00:17
18
Jan
09
Vídeo prova "luvas" a Ministro Tuga no Freeport
Uma conversa entre um administrador inglês da sociedade proprietária do espaço comercial do Freeport, em Alcochete, e um sócio da consultora Smith & Pedro denuncia o pagamento de "luvas" a um ministro português do Governo de António Guterres, noticia hoje o semanário "Sol".
A investigação em curso no Reino Unido ao "caso Freeport" inclui, desde 2007, um DVD com uma gravação vídeo entre um administrador do espaço “oulet” e um empresário inglês, Charles Smith, em que é assumido o pagamento de "luvas" a políticos portugueses para que fosse viabilizada a construção do espaço comercial de Alcochete, avança o semanário.
Na conversa, Smith implica de forma explícita um ex-ministro do governo de António Guterres – que, conforme o semanário já tinha avançado na edição da passada edição – encabeça uma lista de 15 suspeitos visados pela investigação inglesa.
O Freeport, construído numa Zona de Protecção Especial do Estuário do Tejo, foi viabilizado num dos últimos Conselhos de Ministros do Governo de António Guterres, durante o mês de Março de 2002. Nessa altura, de acordo com as autoridades inglesas, saíram da sede da empresa em Londres grandes quantias de dinheiro que foram transferidas para Portugal através de “off-shores” na Suíça e Gibraltar, alegadamente para o pagamento de “luvas”.
O caso tornou-se público em Fevereiro de 2005, quando uma notícia do jornal "O Independente", a escassos dias das eleições legislativas, divulgou um documento da Polícia Judiciária que mencionava José Sócrates, então líder da oposição, como um dos suspeitos, por alegadamente ter sido um dos subscritores daquele decreto-lei quando era ministro do Ambiente.
Público online

COMENTÁRIO
Em 2002, durante o governo de Guterres, o Ministro do Ambiente autorizou uma alteração à Zona de Protecção Especial do Estuário do Tejo ( ZPET ), decidida 3 dias antes das eleições, permitindo o licenciamento das obras do Freeport de Alcochete.
Notícia o Semanário " SOL " de 10-01-2009, que as autoridades judiciais inglesas, num inquérito ao investimento no Freeport de Alcochete, indicia um Ministro português por corrupção.
As autoridades inglesas, reafirmam que enviaram no âmbito do inquérito ao Freeport, uma carta rogatória às autoridades judiciais portuguesas, questionando a intervenção do Ministro de Guterres.

Ainda se lembram quem era o Ministro do Ambiente de Guterres?
Eu lembro!
publicado por TC às 12:35
17
Jan
09

"PROTESTO GRÁFICO"


(Pentagrama publicitário no "Arrebenta-SOL", na "Sinistra Ministra", no "Democracia em Portugal", no "KLANDESTINO" e no "The Braganza Mothers
publicado por TC às 16:25
16
Jan
09

COISA MUITO GABADA, SAI BORRADA

Este ditado popular (voz do Povo, voz da razão), assenta que nem luva à ministra da educação, desde há muito a menos cotada nas sondagens, que apenas dão nota positiva a dois ministros. Quem se não lembra das "esperanças" que nela depositaram tantas e gradas personalidades, começando pelo P.R. (que nunca se engana e raramente tem dúvidas)? Não tardou que a senhora envaidecida pusesse em marcha as suas (ou do chefe) políticas, começando por atacar os professores junto da opinião pública. Atingiu o objectivo com relativa facilidade: "Perdeu os Professores, mas ganhou tudo o resto". O tempo se encarregaria de provar que nem isso surtiu o efeito almejado, pois até representantes dos E.E. (a soldo) tiveram de desmascarar o imbróglio em que a dita senhora envolveu as Escolas. Mas voltemos atrás, para não perdermos o fio à meada. A senhora e sua competentíssima equipa importaram do Chile um Modelo de Avaliação inexequível, puseram a funcionar aulas de substituição para criança entreter, fecharam imensas Escolas, transferindo para as autarquias a responsabilidade do transporte dos alunos, apadrinharam cursos profissionais pouquíssimo rigorosos, criaram os Titulares de forma incorrecta, com o intuito de "dividir a Classe, para reinar", distribuíram o Magalhães atabalhoadamente, criaram insegurança no emprego, promoveram provas de exame ridículas, desvalorizaram o conhecimento e a disciplina em prol das estatísticas e da angariação fácil de votos, alteraram os Concursos de Professores (os problemas da colocação agora só acontecem de três em três ou de quatro em quatro anos…) e gabam-se amplamente dos resultados! Fizeram passar a ideia de que os problemas do Ensino se confinam à "recusa" dos Professores (os maus da fita) em ser avaliados. "Os Professores fogem da avaliação como o Diabo da cruz". Mas esse é apenas um dos muitos problemas, em certa medida falso, pois os Professores só recusam este modelo, por o considerarem inadequado. Têm sido muitos os Docentes a denunciarem na imprensa, na Internet, na Rádio, na Televisão, na rua e nos Estabelecimentos de Ensino, com muita coragem e determinação, o mal-estar que a actual equipa ministerial instalou nas Escolas. Duas grandes manifestações, com mais de 100 mil professores cada, manifestações regionais, a greve geral que deixou praticamente todas as Escolas do país sem aulas, tomada de posição dos Inspectores da Educação, as várias iniciativas de C. Executivos e de outros órgãos representativos das Escolas, as tomadas de posição da Assembleia da República, onde vários deputados do PS estiveram com a Oposição (unida), as dos Sindicatos, também unidos, etc., etc., não bastaram para que o Governo arrepiasse caminho. Teimosia, cegueira ou o simples apego ao "tacho"? Uma coisa é certa, se a ministra tivesse vergonha, há muito se tinha demitido. Despida a vergonha… deita mão do recurso que lhe resta: A imposição. E aqui relembro outro ditado: Contra a força não há resistência. Ou haverá? Isso depende dos Professores. Se defendem uma Escola Pública de qualidade, se não aceitam dar cobertura a falsidades, se lutam pela dignificação da carreira, se exigem ser respeitados, se não aceitam ser meros fantoches na sala de aula ou joguetes nas mãos de uma qualquer equipa ministerial medíocre, então não podem sequer admitir dar tréguas à luta em curso. A greve do próximo dia 19 é importantíssima, os professores não podem agora dobrar os joelhos. Quando uma causa é justa, acaba por triunfar. É um sacrifício grande, a somar aos que já se suportaram. Existem medos, receios e algumas ameaças, mais ou menos veladas, mas não é hora de baixar os braços. Isole-se a equipa ministerial e uma ou outra "ovelha ronhosa" na greve geral do dia 19; que ela não desmereça a anterior, nem as Grandes Manifestações. Tu és responsável pelo sucesso, que será de todos nós e da Escola Pública. Os Professores unidos vencerão.


L.P.

publicado por TC às 23:50
Site Tuga mostra as falcatruas dos ajustes directos
Conhecer e escrutinar as compras por ajuste directo de toda e qualquer entidade pública passou a estar, desde terça-feira, ao alcance de todos os cidadãos. Este passo de gigante na transparência da administração pública não resulta directamente de uma medida do Estado, mas da iniciativa da Associação Nacional para o Software Livre (ANSOL).
Se se quiser saber, por exemplo, que compras é que uma junta de freguesia fez, a quem e por quanto, não há qualquer problema. Basta aceder ao site http://transparencia-pt.org/, escrever o nome da autarquia no campo “pesquisa” e clicar. No monitor do computador surgem então todas as aquisições de bens e serviços efectuadas por ajuste directo por aquele entidade, desde Agosto de 2007, com indicação da data, do nome do fornecedor, do objecto da aquisição e do preço.
Público
COMENTÁRIO: O dito site já foi PARADO pela máquina do poder!!! Mas há uma alternativa. Vejam: http://contratosnus.blogspot.com É do mesmo autor. Recebi por email do mesmo. Fotocopiadoras a 6.000€!!! Revoltem-se!!!

Ferreira Leite "riscaria TGV" se...
A Presidente do PSD, Manuela Ferreira Leite, voltou hoje a criticar os grandes investimentos públicos do Governo de José Sócrates por aumentarem a dívida do país, o que considera especialmente grave no actual contexto de crise financeira. “Sendo Governo riscarei imediatamente o TGV”, assegurou a social-democrata, em entrevista à RTP, acrescentando que o projecto “tem custos presentes e futuros que não são compatíveis com o nosso nível de endividamento”.
Público
COMENTÁRIO: Nem assim levas o meu voto!!! Dizer o óbvio e o que o povo quer ouvir não chega.

Modelo rodoviário não está em risco
A decisão anunciada anteontem pela Presidência da República de que pretendia obter informações adicionais ao projecto de decreto-lei com que o Governo pretende alterar as bases do contrato de concessão celebrado entre o Estado e a Estradas de Portugal (EP) foi recebida com alguma surpresa - pela primeira vez, o Executivo teve conhecimento da decisão quando ela foi tornada pública por Belém -, mas foi rapidamente desvalorizada pelo Governo.
Público
COMENTÁRIO: Deus nos livre de deixar de beneficiar os Construtores e as Empresas de Concessões de Estradas!!!

City dá fortuna por Káká
Anteontem falava-se em 100 milhões de euros, ontem a proposta foi “actualizada” para os 111! Sim, 111 milhões de euros é quanto os multimilionários donos do Manchester City estão dispostos a pagar para terem Kaká ao lado de Robinho na Premier League. Uma quantia à qual o AC Milan não conseguiu ficar indiferente: “A oferta está a ser ponderada”, confirmou ontem Mauro Suma, director do clube italiano.
Público
COMENTÁRIO: E o Ronaldo? O melhor do Mundo não vale uns tostões? A esta hora o nosso meninos está-se a roer todo... e o Mendes também...
Crise? Qual crise?
publicado por TC às 10:39

links

Ganha dinheiro na Net

L-Image-4_1-216x54

tags

todas as tags

blogs SAPO