De Joana Dalila Santos a 30 de Abril de 2008 às 10:56
Que visão aterradora... oh arrebenta