...este é um espaço que revela alguns "pecados" do povo tuga. Os nossos políticos são do pior... e o povo manso releva...
tags

todas as tags

08
Set
08
CARLOS VARELA in JN de 08/09/08

Em Abril tinha saído da cadeia e foi detido ontem, pela PSP da Baixa da Banheira, após perseguição - que durou 40 minutos e danificou um carro policial e dois civis -, tiros e uma tentativa de atropelamento. Foi libertado.

A detenção ocorreu cerca das 05.00 horas da madrugada de ontem. O suspeito é um indivíduo de 19 anos, bem conhecido das autoridades e que era procurado pela PSP e pela GNR. Conduzia um Renault Clio, que acabara de furtar no Barreiro, quando deparou com um carro-patrulha da PSP, na zona dos Casquilhos. Encetou então uma fuga com manobras perigosas e foi perseguído, depois de não ter obedecido à ordem de paragem dada pelos agentes, que pediram ajuda a outras patrulhas policiais. Tanto mais que havia risco de acidentes.

Com efeito, o fugitivo acabou por embater em duas viaturas civis que estavam estacionadas e ia atropelando um transeunte, mas continuou a fugir, ignorando mesmo os tiros de aviso de "shot-gun".

A perseguição acabou por juntar seis viaturas policiais, que tentaram barrar o caminho do jovem que foi sempre perseguído de perto pelos agentes da esquadra da Baixa da Banheira. O condutor do carro-patrulha conseguiu evitar um acidente mais grave, embora com danos para o carro policial. Uma manobra mal calculada levou ao despiste do fugitivo e à sua detenção.

Levado a tribunal foi posto em liberdade por ordem do Ministério Público porque, face à nova lei penal e ao tipo de crime, o facto de ter uma residência fixa salvaguardam-no da prisão preventiva.

O mesmo indivíduo é suspeito de, há cerca de dois meses, no Vale da Amoreira, durante outra fuga com um carro furtado, ter embatido contra um veículo de agentes da Investigação Criminal do Barreiro da PS. Foi notificado para se apresentar hoje a tribunal.

Porreiro Pá!!!
Compreende-se.............................ele não é perigoso....................os polícias é que deviam ir presos por andarem aos tiros pela cidade........................e a baterem em carros roubados. Coitado!!!!

Só rezo para um dia destes, um destes criminosos enfiar um balázio em alguém do governo durante um assalto.

publicado por TC às 12:12
De Joaquim Moreira a 8 de Setembro de 2008 às 17:03
Conheço um individuo nestas circunstancias, foi apanhado com um carro roubado, levado pela policia e o juiz deixou-o sair. E, como se não bastasse, so pelo gozo, a porta do tribunal roubou o carro da juiza
Tenho 7 irmaos, todos eles policias (PSP e PJ) e, por causa destes casos, alguns deles estao a ponderar abandonar a carreira porque, tal como eu, nao entendem porque andam eles dias a fio (por vezes semanas ou meses) a reunirem provas contra criminosos, quando finalmente os apanham, algum juiz, por alguma razão, os poe novamente em liberdade.
De Anónimo a 8 de Setembro de 2008 às 20:22
Tudo doido.
Agora experimentem fazer umas contas:
Custos do polícia/hora, multiplicados pelo número de agentes;
Custos do combustivel e carros empenhados na manobra;
Custos do juíz e demais funcinários do tribunal.
Somem e tirem conclusões.
Quem manda?
Who is in charge?
BM
De Anónimo a 9 de Setembro de 2008 às 00:07
http://forumbenfica.blogspot.com/

Em 5 meses (15 de Março a 21 de Agosto) Hulk jogou por 3 clubes e esteve inscrito em 4 clubes!!



A 15 de Março Hulk jogou pelo Kawasaki Fontale

A partir de 6 de Abril, Hulk passou a jogar pelo Tokyo Verdy

A 25 de Julho, Hulk foi contratado pelo Porto ao Club Atlético Rentistas

A 24 de Agosto, Hulk jogou pelo Porto no jogo contra o Belenenses.




Tendo em conta que o caso "Mateus", o caso "Meyong", e o mais recente caso "Edimar" do Sporting de Braga, então neste caso Hulk poderá estar a infringir as normas.


É preciso lembrar que Hulk já jogou por 2 jogos oficiais na Super Liga, o que poderá representar 6 pontos de penalização pelo facto de jogar em 2 jogos de forma irregular, além de o Porto perder os pontos alcançados contra Belenenses e Benfica. Neste caso, será que o Porto irá perder 10 pontos na Super Liga?

Por exemplo a FPF aceitou a inscrição do Meyong tal como permitiu a inscrição do Hulk. O problema é que a FPF defendeu que o clube tinha a responsabilidade de analisar se Meyong poderia jogar ou não.

Neste caso Hulk jogou, e todos os indícios levam a considerar que existem irregularidades ao nível dos clubes inscritos. Mesmo no caso dos clubes representados, a opinião da FPF no Caso Edimar, a aplicar-se ao Caso Hulk, poderá também representar uma irregularidade.

Se no Caso "Leandro Lima", a responsabilidade da falsificação do passaporte foi dada ao jogador, neste caso a haver irregularidade esta é, sem margem para dúvidas, da responsabilidade do clube.

Será "Hulk" um novo caso "Mateus"?
De Nuno a 9 de Setembro de 2008 às 00:37
Caro Benfiquista,

lamento mas um jogador não pode jogar em 3 clubes na mesma época desportiva e não ano civil.

Abraços tripeiros.

links
tags

todas as tags

blogs SAPO