Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Jardim da Celeste

...este é um espaço que revela alguns "pecados" do povo tuga. Os nossos políticos são do pior... e o povo manso releva...

...este é um espaço que revela alguns "pecados" do povo tuga. Os nossos políticos são do pior... e o povo manso releva...

O Jardim da Celeste

16
Jun08

Vou comprar um iate

TC
Já tínhamos falado disto aqui mas nunca é demais relembrar para que ninguém se esqueça.
Copiado do João Tilly:

Queres gasóleo barato?
Compra um iate!

O "socialismo" à Sócras é amigo dos iates.
Este governo aprovou, em 8 de Fevereiro último, a Portaria 117-A (Artº 29 do Cap. II), que estende aos proprietários de iates o benefício de terem o gasóleo ao preço a que pagam os armadores e os pescadores.
Portanto, por força da lei, em Portugal os trabalhadores e as empresas pagam o gasóleo a 1,42€, enquanto os banqueiros, a alta-finança e os grandes empresários o pagam a 0,80€.
Isto, ao contrário do que pode parecer à primeira vista, é uma óptima notícia para os portugueses.
Se o leitor quer gasóleo barato tem agora bom remédio: é só comprar um iate.

CAPÍTULO II
Isenção do ISP para utilização na navegação comercial

28.º As isenções do ISP previstas nas alíneas c) e h) do n.º 1 do artigo 71.º do CIEC abrangem as utilizações em embarcações que, para efeitos da presente portaria, se designam por navegação comercial.
29.º Enquadram-se na disposição prevista no número anterior as embarcações efectivamente utilizadas nas seguintes actividades:

a) Navegação marítima costeira;
b) Navegação interior;
c) Pesca;
d) Navegação marítimo-turística;
e) Operações de dragagem em portos e vias navegáveis, com excepção dos equipamentos utilizados na extracção de areias para fins comerciais.

Portaria completa aqui

07
Jun08

Iates a 0,80€/L - porreiro pá!!!

TC

O Governo democrático e maioritário do PS tem por hábito quando é confrontado com realidades, apontar os canhões para o PSD, seu parceiro do «Bloco Central de Interesses».

Mas agora, todos ficam a saber, os que têm iates e embarcações de recreio que através do Artº 29 do Cap. II da Portaria 117-A de 8 de Fevereiro de 2008, em anexo, beneficiam de gasóleo ao preço do que pagam os armadores e os pescadores.

Assim todos os portugueses são iguais perante a Lei, desde que tenham iates

É da mais elementar justiça que os trabalhadores e as empresas que tenham carro a gasóleo o paguem a 1,42€, e os banqueiros e empresários do 'Compromisso Portugal' o paguem a 0,80€, e é justo, porque estes não têm culpa que os trabalhadores não comprem iates!!!

27
Mai08

Boicote ao CARTEL II - continuem que eu tb...

TC
Desde que começou a "palhaçada" da escalada dos preços dos combustíveis eu nunca mais abasteci nas duas GRANDES do cartel. BP e GALP nunca mais me levam dinheiro. Bem sei que é a GALP que vende tb para os hipermercados, etc, etc.... mas desta forma os lucros baixam. Já que a ganância é tanta..... comigo não.
Adiro a este boicote mas não concordo com o prazo. Compreendo que estes 3 dias são para marcar uma posição mas a minha vai ser mais profunda. Se depender de mim, TODAS as bombas BP e GALP podem fechar. Nunca mais lá vou.


In Do Portugal Profundo
A Galp tem o monopólio da refinação de combustível em Portugal. Portugal é um mercado pequeno, menos de um quarto do espanhol e as grandes multinacionais não têm tido interesse em instalarem uma unidade específica no nosso País. Acresce a este facto que este Governo de José Sócrates, que ultrapassa pressurosos qualquer contingência ambiental quando quer, , recusou apoio ao projecto de uma nova refinaria apresentada pelo empresário Patrick Monteiro de Barros, protegendo o monopólio da Galp. A Galp abastece a generalidade dos revendedores em Portugal: como o custo de transporte é importante no preço final, aos revendedores sai mais barato comprar à Galp do que abastecer, por exemplo, a partir de Espanha - a Galp só tem de ajustar o seu preço imediatamente abaixo do limite a partir do qual compensa, por exemplo, aos revendedores comprarem a refinarias espanholas. A Galp exporta combustível e vendê-lo-á, numa política que tende para dumping, a preço inferior ao que pratica no seu mercado privativo, Portugal, onde é monpolista: ao vender para os EUA bate-se com a concorrência internacional que lhe aperta as margens, mas qualquer ganho é bom desde que suba acima do custo variável (o mercado nacional paga-lhe os custos fixos). A Galp vende, então, mais caro em Portugal porque pode... E, acrescento, pode e o Governo deixa-a - por razões que nenhum consumidor em Portugal compreende, senão pela promiscuidade político-capitalista evidente e até ostensiva. Deveríamos remontar a 2004 para explicar melhor...

A Galp domina o mercado da revenda de combustíveis em Portugal, através da sua quota de mercado directa e dos associados. Essa posição dominante, um verdadeiro trust, não lhe chega porém. Os consumidores repararam na coincidência dos aumentos entre as grandes marcas. Os defensores apresentarão a tese de que a coincidência dos aumentos e dos momentos não chega para justificar o cartel. Mas só a ingenuidade, e a malícia dos cegos que negam a evidência, é que acredita que se trata somente de um cartel tácito - a Galp aumenta e os outros seguem dias depois o movimento; depois trocam e é algum dos grandes que aumenta e a Galp vê-se forçada a segui-los contra-vontade. Nessa ingenuidade e cinismo, ninguém da Galp falaria com os concorrentes e, mesmo que falassem, não tocariam no assunto que mais lhes interessaria: preços de venda ao público. O que daqui digo é que se o Governo quisesse, no estado de necessidade que atravessamos, pediria ao Ministério Público que investigasse e, depois da necessário inquérito, poderia concluir-se, como se passou nos EUA com a Microsoft, se não houve e-mails internos trocados sobre o assunto e contactos telefónicos e correspondência electrónica com dirigentes dos concorrentes. Custa-me a crer que o despudor, que o Governo consente, leve os dirigentes das empresas a evitar qualquer contacto e qualquer missiva. Pois, se nem nos EUA a ameaça da fiscalização dos abusos de posição dominante inibiu os responsáveis da Microsoft de o fazerem... A imunidade capitalista nesta era Sócrates não conhece esses limites.

De modo, que a ameaça de boicote à compra (directa...) de combustíveis da Galp tem justificação no abuso de posição dominante da petrolífera portuguesa e na evidência do cartel de preços com os concorrentes. Mas só terá eficácia plena, se o boicote for generalizado. Ora, como ensinava o professor Manuel Lopes Porto nas suas aulas de Teoria da Integração no ano de 1991, no anfiteatro da sala Beleza dos Santos da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, os consumidores são free-riders, preguiçosos passageiros que viajam de borla e raramente se manifestam e agem, ao contrário de empresários e trabalhadores. Mesmo assim, porque a condição dos preços se agrava ao ponto de se tornar insuportável, a ameaça de boicote, que já provocou o efeito de adiamento da subida anunciada dos preços da Galp, constitui um aviso à continuação dos abusos. Mas sem concorrência, nem vigilância do Governo, não é provável que a situação possa melhorar no médio-prazo.

COMENTÁRIO: como sempre o POVO IGNORANTE (mas com canudo) cala e come. LUTEM!!! O poder está do nosso lado. Não abasteçam na Galp. A Galp controla os preços. Vende em Espanha mais barato!!! Porquê??? Porque mesmo assim dá lucro!!! E o burro é o Scolari???

Vejam AQUI onde abastecer mais barato.

30
Abr08

Votem PS - acabem com o país de vez

TC
Hoje li a barbaridade que a senhora ministra da Educação soltou sem pensar (fugiu-lhe a boca pra verdade). Será que alguma vez pensou? "Ela" disse alguma coisa como "os chumbos custam caro ao país...cerca de 60o milhões ano"...

AAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH

Agora percebi todas estas trapalhadas com as lutas contra os professores...
POUPAR...POUPAR...POUPAR.
Aprender não interessa nada. O importante é poupar!!!

Li depois um comentário de um cidadão que se intitulou de José Burra:

"Finalmente disse o que lhe vai na cabeça e o que já todos sabíamos. Para este governo tudo é dinheiro e vale tudo para poupar. Cortem nas quimioterapias por que dão prejuizo e as pessoas morrem na mesma!! Votem PS!!!"
18
Abr08

Querem produzir energia? QUERIAS...........

TC
Sistema de Registo de Microprodução (Adiamento) por várias vezes sem que nenhum membro do governo explicasse o porquê. Porque será???
Fevereiro 28, 2008,
(uma treta!! Qualquer um de nós não pode ser produtor de energia porque as incrições abriram no dia 2 de Abril às 12 horas e fecharam no mesmo dia às 17 horas. NÃO É PARA RIR?????

Tendo em vista a implementação do DL nº 363/2007, de 2 de Novembro, foram aprovadas diversas medidas que, concretizando as disposições daquele diploma, permitem aos promotores prepararem-se para poder efectuar o seu registo no SRM - Sistema de Registo de Microprodução. (não é suposto o diploma entrar em vigor dentro de 90 dias????) portanto....2 de Novembro...3x9=27 ...lá está!!

O processo esteve previsto para arrancar no dia 27 de Fevereiro, mas foi atrasado por questões técnicas dizem eles.

Face ao elevado interesse que o processo relativo à microprodução tem conhecido e por forma a garantir a plena operacionalidade do site www.renovaveisnahora.pt para um grande afluxo de pedidos, informa-se que foi decidido adiar a data prevista para o início do processo de registo de 27 do corrente mês (o que foi mentira!) para a última semana de Março, (outra mentira) em data que será fixada proximamente no site da DGEG. (vejam o site!!!! É outra treta. Quem lá for nem acredita no que vê) nada esclarecedor!!!!! Nem parece um site dos dias de hoje.

As inscrições vão abrir novamente num dia de Maio e vcs vão cá estar para confirmar que irão fechar novamente no mesmo dia. Vejam se não é verdade! Vejam por favor. Quem quiser ser produtor, conforme o Sr. Ministro disse, que faça primeiro a inscrição porque estão sugeitos a gastar 25 a 30 mil euros e ficam com as instalações paradas por tempo indefinido ou para sempre.....conforme eles queiram.

VIVA O NOSSO SOL E OS MILHÕES QUE DESPERDIÇAMOS EM ENERGIA!!!!!!!! OS ALEMÃES ESTÃO A RIR-SE DE NÓS! CONFIRMEM! VEJAM. POR TODOS OS PORTUGUESES. ESTAMOS A IMPORTAR ENERGIA! Porque será????

16
Abr08

O SUPER LUXO DO TRIBUNAL CONSTITUCIONAL !

TC
O Tribunal Constitucional é um tribunal de nomeação politica e por esse facto, resolveram
comprar automóveis de Luxo e Super Luxo para cada um dos Juízes (de nomeação política).

Estes carros são utilizados pelos Juízes num total de 13 para todo o serviço, precisamente
como acontece nas grandes Empresas.

1- O Presidente tem um BMW 740 D (129.245 =80 / 25.849 contos)(o Belmiro de
Azevedo tinha um automóvel da classe/série 7 da BMW, mas comprou-o com o seu
próprio dinheiro).

2- O Vice-Presidente : BMW 530 D ( 72.664 =80 /14.533 contos).
3- Os restantes 11 Juízes têm BMW 320 D ( 42.145 =80 / 8.429 contos, cada).
Portanto, uma frota automóvel no valor de 665.504 =80/ 133.101 contos (muito mais de meio
milhão de Euros?!!!).


A que propósito estes Juízes têm carro de serviço/empresa???

E de luxo???

Estão a gozar com o povo.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

TACHOS E CUNHAS

PETIÇÕES

Arquivo

  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2009
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2008
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2007
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2006
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D